Saiba como escolher o melhor advogado trabalhista para seu caso!

É comumente observado, no dia a dia dos cidadãos brasileiros, muitos funcionários cheios de questões em relação aos seus direitos trabalhistas. Esses questionamentos advêm de uma crise econômica que se instaura no país, a qual contribui para o fechamento de muitos negócios e a consequente demissão de funcionários. Sendo assim, os mesmos sentem alguns medos. Entre eles, a falta de pagamento dos seus direitos e até mesmo a necessidade de fechar acordos nada vantajosos. Por isso, hoje daremos algumas dicas de como encontrar um bom advogado trabalhista. Preste atenção no texto a seguir:

Por que devo contratar um advogado trabalhista?

Primeiramente, antes de saber como achar um bom advogado da área, é preciso saber o porquê da necessidade da atuação deles no seu caso. A atuação de um advogado trabalhista está relacionada a disputas entre empregados e empregadores. Sendo assim, a presença de um advogado pode ser requisitada pelo empregado caso haja, por exemplo, rescisões de contratos e não pagamentos de direitos.
O advogado, então, entra em ação analisando a situação apresentada, buscando um acordo entre ambas as partes – empregado e empregador –, sem que exista a necessidade de um processo jurídico. Entretanto, caso um acordo não seja feito, o advogado deve apresentar o caso ao Tribunal de Justiça. Independente de qual seja a situação, o papel do advogado é chegar a uma solução para o problema do seu cliente.

Como contratar um bom advogado trabalhista?

Para decidir qual é o melhor advogado trabalhista para atuar em seu caso, alguns aspectos sobre o trabalho dele devem ser levados em consideração. É indispensável que se procure informações sobre a formação do profissional e que se busque também referências sobre seu trabalho. Pesquisar online, nas páginas do profissional, também é uma boa ideia. Se você quiser mais detalhes sobre como contratar um bom advogado para seu caso, você pode dar uma olhada neste link.
E por que você deve procurar informações sobre o advogado trabalhista e seus trabalhos passados? Isso se deve ao fato do ramo ser cheio de regras próprias, muitas vezes destoando daquilo que está escrito na lei. Isso acontece pois há um número muito grande de processos nessa área, na qual muitas características externas influenciam. Por exemplo, a região em que você se encontra, seus magistrados (juízes que fazem parte da ordem superior), bem como suas formas de julgamento. Por isso, procurar um advogado trabalhista que tenha experiência real do trabalho é fundamental.

Quais são os melhores questionamentos para fazer ao profissional?

Depois de achar o advogado trabalhista ideal para o seu caso, é preciso focar em sanar as dúvidas e aprender mais sobre os seus direitos. Sendo assim, não se esqueça de fazer algumas perguntas básicas:

Quais são os meus direitos na rescisão de contrato?

A rescisão de contrato nada mais é do que a anulação do contrato trabalhista, e ela pode acontecer tanto por parte do empregador, quanto do empregado. Se, por exemplo, seu patrão demitir você antes do previsto no contrato, ele é o responsável por rescindir o documento. Sendo assim, existem dois tipos de dispensa: por justa causa e sem justa causa. Se, ao contrário, for o funcionário que pedir demissão, então ele é o responsável por quebrar o combinado.

Qual a diferença entre dispensa por justa causa e sem justa causa?

A dispensa por justa causa ocorre de maneira que tenha um motivo justo para a dispensa do funcionário. Entre eles: desleixo no desempenho do serviço e violação de segredos da empresa. Nesse caso, o empregado tem direito a somente seu salário e férias vencidas. Já a dispensa sem justa causa não tem, aparentemente, nenhum motivo para tal. Desse modo, o trabalhador que, a princípio, não espera a quebra do vínculo empregatício, recebe muitos direitos: salário, férias vencidas e proporcionais, 13º salário, aviso prévio, multa do FGTS e seguro desemprego.

Como funcionam os danos morais?

Quando o funcionário é exposto a situações que o ofendem e fazem com que se sinta abalado em seu ambiente de trabalho, significa que sua moral está sendo violada. Dessa maneira, a violação à dignidade do trabalhador pode contar com advogados trabalhistas para reparar os danos. Esse profissional estará pronto para defender o seu cliente de maneira a compensá-lo com uma indenização.

Aqui, demos apenas uma pequena amostra de perguntas e respostas necessárias entre o advogado trabalhista e seu cliente. Entretanto, existem muitas outras questões a serem feitas, assim como respostas muito mais complexas. O advogado, nesse caso, é o encarregado de guiar seu cliente em todas as etapas.

Galhardo Sociedade de Advogados

Após a leitura das informações dadas ao longo deste blog, observamos que a solução para os seus problemas pode se encontrar na Galhardo Advocacia. Nosso escritório, com mais de trinta anos de existência, possui advogados qualificados e experientes, que se preocupam com a resolução dos problemas dos clientes com muito profissionalismo. Com essa premissa, nossos advogados trabalhistas são mais do que competentes para sanar todas as dúvidas concernentes a direitos trabalhistas, e acompanhar o seu caso! Afinal, lidamos com todas e quaisquer ações existentes entre empregados e empregadores.

Se quiser saber mais sobre nosso perfil e até mesmo tirar algumas dúvidas sobre nossos advogados da área trabalhista, clique neste link e entre em contato conosco! Por meio dele, você terá acesso ao nosso endereço, telefone, e-mail, e também conseguirá enviar uma mensagem online. Ficaremos muito felizes em ajudar!
Não perca mais tempo, e encontre agora, em nosso escritório, o advogado trabalhista que estava procurando para a solução do seu caso.

2 Comments

    1. Guilherme Galhardo

      Muito obrigado, ficamos felizes que tenha gostado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *